domingo, 9 de outubro de 2016

Estágio Internacional de SENSEI - Modena 2016



No dia 21 de Setembro, quarta-feira pelas 22:10h da noite Sensei chegou ao aeroporto de Bologna. À sua espera estavam três pessoas, Fabio Luppi, organizador do estágio, a sua filha Alice e Alessandro Tittarelli.
Em apenas uma hora e meia, chegamos a Serramazzoni (MO), uma simpática cidade que fica a 800 metros de altura na cordilheira dos Apeninos.
Fizemos o check-in na “Scuola Alberghiera e di Ristorazione di Serramazzoni” ” (http://www.srsr.it) escola famosa por toda a Itália pela sua excelente formação e atendimento personalizado: Comida e serviço de primeira classe.

22 de Setembro de 2016: Terça-feira de manhã, Fabio Luppi, Sensei e Alessandro Tittarelli foram visitar um grande Centro Comercial em Modena, Grandmelia, (http://www.grandemilia.it/ita/negozi/) onde Sensei pôde ver e até mesmo comprar algumas das especialidades locais. O almoço foi na escola de Serramazzoni. Depois de almoço relaxámos, passeamos pela vila e visitamos o Ginásio Municipal onde estava a decorrer a preparação para o estágio  [colocação dos Tatami e do “Shomen”].Por volta das 18h00, os professores da Suiça e da Alemanha juntaram-se ao grupo e fomos jantar num restaurante local chamado (Antica Trattoria Cacciatori) para comer carne de veado (tortellini em caldo, pappardelle, Cervo, javali etc … ).

23 de Setembro de 2016: Na Sexta-feira de manhã, depois do pequeno-almoço o grupo foi visitar uma quinta a 20 Km de Serramazzoni, na terra de Pavullo nel Frignano, onde os seus donos, (antigos alunos da escola de hotelaria), construíram a Agroturismo Casa Minelli (http://www.agriturismocasaminelli.it). Aqui, Sensei que também é agricultor, teve a oportunidade de ver como são produzidos os antigos grãos de farinha biológicos locais e especialmente como é produzido o vinagre balsâmico com mais de 50 anos.
O almoço decorreu na escola de Serramazzoni.

Estávamos prontos para o Estágio!

Cerca de 100 pessoas reuniram-se para assistir ao estagio, pessoas essas que vieram de toda a parte do mundo. Desde os USA, UK, França, Macedónia, Roménia, Alemanha, Suiça, Irão, Eslovaquia e Itália. Alguns dos professores importantes também estiveram presentes, tais como Alessandro Tittarelli (8º Dan), Alberto Boglio (6º Dan), Stephan Kurilla (6º Dan) e Akimasa Watanabe (6º Dan).
O treino foi fantástico e toda a gente simplesmente adorou!

Hitohira Saito Sensei sempre bem disposto.
  
Tachi Dori, Tanken Dori, Taijutsu (Kote Gaeshi, Irimi Nage…) Jo Dori, Jo Kata, Kumi Jo, Kumi Tachi e Kumi Tachi no Henka.
O treino especial foi baseado em variações de Nikyo e Sankyo, ( Nikyo e Sankyo henka waza) mas também Kaeshi Waza de Nikyo (Sankyo e Ago Oshi) e Shiho Nage (Sutemi Waza).
Agora que voltamos a casa, temos muito que estudar!!
No final do estágio, Francesca, filha do Mestre Tittarelli que é como um membro da família Saito, visitou Sensei com o seu filho Melquiades e o seu marido Alain. Danilo di Teodoro, um antigo aluno de Itália, também estava com eles. Foi uma maravilhosa reunião de família durante o almoço de Domingo.

Foto de Grupo

Sensei partiu segunda-feira de manhã de volta para o Japão, tendo chegado em segurança.
Sensei muito obrigado pela sua paciência e ensinamentos! Foi um estágio soberbo!
Muito obrigado pela realização do estágio, Fabio Luppi, organizador e os seus estudantes, e também a Tittarelli Shihan que está sempre por trás de cada estágio a fazer com que tudo corra sempre bem.
Um agradecimento também aos fotógrafos Eric Savalli, Thomas Podzelny e Mirca Mazzavillani.

Aqui fica um link para visualizarem as principais fotos do Estagio de Modena:
Carregue aqui

AULAS CRIANÇAS - LICEU FRANCÊS

Já começaram as actividades conjuntas com o Liceu Francês Charles Lepierre.
A APASD este ano aceitou formar parte das atividades extra-curriculares do GPE oferecidas por esta escola.
Estas atividades são todas as quartas-feiras das 15h30 às 16h30 e serão realizadas no Honbu Dojo, ao longo do ano escolar 2016/2017.
A primeira aula foi assistida pelos Senpai  Luís Gomes, Carolina Cabrera e Anne-Sophie Dubanton, as crianças aprenderam um pouco de japonês, como entrar no dojo, forma correcta para entrar e sair do tatami, como saudar educada e corretamente os parceiros durante os treinos.
Eles também praticaram técnicas básicas, usando o corpo e respiração, como Tai no Henko, Kokkyu Ho e começaram a treinar as quedas (rolamentos) e o Shikko.

Quarta-feira passada experimentaram a sua primeira aula de bokken!
Eles treinaram como tirar o bokken, assim como o vénia em frente ao Kamisama.
Então começaram a treinar o primeiro Movimento com o bokken, o Ichi no suburi e alguns exercícios com o Tanren uchi.
Fortes kiai, cheios de energia foram ouvidos, eles gostaram muito desta prática.
Esperamos continuar assim a aprendizagem e formação com este enorme entusiasmo!


GANBATTE KUDASAI, Petits Samurais !!!
 

sexta-feira, 22 de julho de 2016

Novo DVD de Hitohira Saito Sensei

Acabámos de receber óptimas notícias, o novo DVD de Buki waza de Sensei finalmente DISPONÍVEL.

Quase todo o repertório técnico de armas de Iwama Ryu.
UM EXTRAORDINÁRIO DVD... OBRIGATÓRIO TER!




Este DVD vai estar disponível nos estágios de Sensei.

Para mais informações, visitem www.iwamaaikido.com/shop

terça-feira, 7 de junho de 2016

ESTÁGIO NACIONAL DE LISBOA - 2016


ESTÁGIO NACIONAL DE LISBOA

Porque em Junho Lisboa está de festa, celebrando Santo António de Lisboa e o grande poeta Camões, todos os anos fazemos um estágio nacional neste mês. Algumas vezes acontece que, em vez de ser nacional, realiza-se um estágio internacional nesta altura. Lembram-sede grande estágio com o nosso Soke no antigo honbu dojo?

Na realidade, a presença dum grande número de estrangeiros neste estágio poderia sempre fazer dele um estágio internacional. Ficamos sempre muito contentes quando recebemos praticantes de todo o mundo. Em especial temos de agradecer ao mestre José Veiga por trazer sempre tantos alunos aos nossos estágios.

Este ano o estágio terá um só dia, pois tenho de voltar para a Aiki En no mesmo dia. Os animais e as hortas têm de ser cuidados bem cedo pela manhã.

Dia 10 de Junho, dia de Portugal, poderão relaxar durante o dia e depois, dia 11, estudaremos os ensinamentos do Fundador.

Vamos então tentar estudar o máximo possível dos ensinamento do fundador do aikido, num só dia.
Iremos utilizar o livro do Fundador Budo, para estes estudos. Este livro era constantemente utilizado pelo grande mestre Morihiro Saito Sensei para demonstrar como o nosso aikido realmente vem do aikido do Fundador...e como é diferente das variações que se fizeram em nome dele.

O horário:

09:30h ~10:30h

10:45 ~11:45h

12:00 ~ 12:30 (leitura dos ensinamentos do fundador, discussão)

16:00 ~17:00

17:10~18:00

Pode-se dormir gratuitamente no dojo de sexta para sábado (e sábado para domingo para quem viaja cedo no domingo de volta a casa).

O almoço de sábado far-se-á, como sempre, no dojo. Cada qual trás algo para comer e compartimos todos.



domingo, 5 de junho de 2016

Notícias dos últimos meses.........

Aqui no Aiki En, é bastante difícil publicar pela internet notícias que envolvem  o descarregar, tratar e carregar fotografias. Até abrir um simples email pode demorar umas 3 horas. Com realmente muitas esperanças, pedi a alguns membros da Direção e Conselho Técnico para tratarem deste blog que tem como objetivo dar notícias nacionais das nossas atividades, mas também algumas internacionais de relevância.
Aqui vão alguns pontos a menos para quem não tratou deste assunto. 
Quando não se consegue tratar de certos assuntos, a tendência geral é dizer: de qualquer forma não 
é necessário uma vez que já temos o facebook. Como ninguém trata também do facebook, a tendência é dizer: não faz mal porque temos a página web...contudo, esta também existe e tem alguma atividade por causa da mesma pessoa, que sou eu - outra vez - mesmo com pouca potência de internet.

Pergunto-me qual o futuro de tudo pois o futuro não está a ser feito. 

Esta é a primeira notícia. Peço desculpa aos alunos principiantes que são membros deste blog e que esperam alguma atividade sem a terem.
------------------------

Mitsuyoshi Saito sensei no Brasil



Desde o estágio em Fevereiro de Waka Sensei, que foi sem dúvida alguma memorável pela forma em que ele ensinou e como foi organizado, houve vários eventos dentro do honbu dojo e de eventos relacionados com a nossa augusta Associação.

Em Março, Mitsuyoshi Sensei viajou ao Brasil, depois de mais de um ano de preparação com os nossos colegas Brazileiros e com o Dai Sempai da America Latina, o mestre Mario Silva. O seu irmão, o professor José Silva é o líder do Brasil mas agora está a viver no Uruguai. Contudo não deixou de estar ativo no Brasil e ali organiza estágios dirigidos pelo seu irmão, 5º Dan de Aikido, e por outros mestres internacionais.

Partimos, o Mitsuyoshi Saito sensei e eu, para o Brasil, no final de Março pois o estágio iria realizar-se nos dia 1, 2 e 3 de Abril. Esta foi a primeira vez Mitsuyoshi sensei ensinou internacionalmente, e realmente não parecia. Com total profissionalismo, seguindo tanto a metodologia do seu pai como a do seu avô, Mitsuyoshi sensei dirigiu este estágio que agradou a todos, tanto os alunos de Iwama Ryu como os de outros estilos que também participaram. 

Fiquei de boca aberta e muito contente por ter tido a oportunidade de participar e ajudar neste evento.
Para uma notícia oficial sobre este estágio, queiram por favor verificar a página de sensei sobre este evento.
Uma particularidade deste estágio, é que antes houve uma demonstração no pavilhão Japonês de Ibirapuera, no dia 31 de Março, que foi o dia de nascimento de seu avô, o famosíssimo Morihiro Saito Soke.

-----------------
Mitsuyoshi Sensei no Uruguai

Logo a seguir ao Brasil, voltei para Portugal mas Mitsuyoshi sensei ficou ‘entregue’ aos irmãos Silva, que o levaram a Montevideo para turismo e para dirigir outro estágio internacional, desta vez com os praticantes do sul da América Latina.

Como no Brasil, os Uruguaios ficaram encantados com os seus ensinamentos e profissionalismo, pois já todos conhecem a amigável pessoa que Mitsuyoshi sensei é.
Uma notícia sobre este evento podem ler na página oficial de Iwama Shin Shin Aikishurenkai: aqui.


----------------------

Exames no honbu dojo em Lisboa

Em Maio houve exames de kyu no honbu dojo. Vários praticantes, adultos e crianças, foram examinados para diferentes exames, com a assistência de Mitsuyoshi Sensei e de outros sempai. Os examinandos foram preparados pelo professor Marko Tomatis com alguma ajuda de outros sempai.

Como treinaram muito, e apesar de alguns erros, passaram todos os seis candidatos para o próximo nível.
Desta vez ainda ninguém recebeu o certificado oficial de Iwama que é atribuído aos que tiverem um desempenho excepcional durante o exame. Da próxima vez, de certeza que conseguiram obter estes importantes certificados.
Parabéns aos examinados e parabéns aos professores que ajudaram, principalmente o professor Marko Tomatis.

Durante o exame...
_________________

Mitsuyoshi Saito Sensei - Estágio de Aiki no Gi Nukisashi

No dia 21 de Maio Mitsuyoshi Saito dirigiu um estágio absolutamente fabuloso em Lisboa. O tema foi Aiki no Gi Nukisashi. 
O estágio começou com o jovem Saito sensei a ensinar como desembainhar e embainhar o sabre segundo a forma de Iwama. Depois continuou com os vários “kata” de nukisashi que se caracterizam por estarem completamente interligados com o taijutsu. 
Ken jo taijutsu Riai era uma frase que Saito sensei usava inúmeras vezes e que significa, de forma simples, a união das verdades do ken do jo e do taijutsu. Neste caso podemos mais uma vez verificar que em Iwama, os ensinamentos de O’sensei continuam vivos. 
Tanto técnicas de buki waza como o ki musubi no tachi (uchitachi e uketachi) como ténicas de taijutsu como o shiho nage (suwari waza, hanmihandachi e tachi waza) estão sublimadas nesta interessante prática que também serve como meditação pessoal.
Mitsuyoshi Sensei, enquanto ensinava nukisashi.

Foi realmente uma honra ter todo o currículo desta arte do Aikido, ensinada no nosso dojo por um membro da família Saito.


--------------

Mitsuyoshi Sensei em Paris- 28 e 29 de Maio 2016

Este estágio foi o primeiro na Europa, fora de Portugal, dirigido por Mitsuyoshi Saito sensei. No início houve algumas dúvidas sobre o convidar o jovem Mitsuyoshi, mas estas ficaram totalmente apagadas depois do estágio. Pelo que ouvi dos relatos de quem esteve presente, foi um estágio fantástico, onde Mitsuyoshi sensei ensinou com muitas clareza e precisão, fazendo jus à sua metodologia.

Alguns portugueses seguiram Mitsuyoshi sensei nesta viagem e desfrutaram muito deste estágio. Este foram o Marko Tomatis, o António Dente e o Miguel Plantier. 
De salientar a simpatía do Victor Detrez em acolher os seus amigos portugueses. Abriu as portas da sua casa e entregou-lhes as chaves, deixando o frigorifico repleto. Não temos forma de agradecer tal bondade e simpatia. Espero que os portugueses tenham deixado a casa limpa e pronta para receber a família do Victor. Carregar na fotografia acima para ir ter à notícia sobre o estágio.


--------------

Festa de despedida de Mitsuyoshi Saito sensei

No dia 1 de Junho, realizou-se em Lisboa, a festa de despedida de Mitsuyoshi Saito sensei. Depois dum treino sobre variações de ikkyo, que incluiu algumas oyo waza, limpou-se o dojo e montaram-se as mesas para a festa. Foi muito agradável ver tanta gente no tatami tanto para o treino como depois para a festa de despedida. 

As crianças também tiraram uma fotografia de despedida com Mitsuyoshi sensei.

Neste dia houve ainda a coincidência termos uma astróloga Japonesa a treinar. A senhora Reiko Nakajima não só participou no nosso treino com muito espírito como também depois se juntou à festa. Ficou muito surpreendida por Mitsuyoshi Saito sensei estar relacionado com Morihiro Saito Soke e depois ao saber que toda a família Saito foi quem serviu O’Sensei durante mais de 20 anos. 

Durante a festa os irmãos Cotovio fizeram uma demonstração de esgrima medieval onde mostraram técnicas tanto de defesa com o sabre como de corpo a corpo. Algumas técnicas eram muito semelhantes a técnicas de taijutsu do nosso currículo. 

Muito obrigado por todos estes meses de ajuda no honbu dojo e na Aiki En, Mitsuyoshi Sensei. És parte da nossa família e por isso teremos sempre o teu quarto preparado. Volta depressa!

____________

Uchideshi no Aiki En

O sistema de uchideshi no Aiki En entrou em vigor, tal como estava programado, em Maio deste ano. Graças à ajuda de vários mecenas, entre o que mais contribuíram estão a Anne-Sophie Dubanton e a família Bicho, conseguimos completar as instalações mínimas para dar acomodação a cinco uchideshi de cada vez, pois a casa da quinta tem 5 camas preparadas. Claro que poderemos aceitar mais uchiddeshi, mas terão de dormir no dojo, com saco cama, ou em tendas.

O regime dos uchideshi é bastante parecido ao da antiga quinta na Serra da Estrela. Acordar cedo, limpar o dojo e tratar dos animais. Depois segue-se o treino de bukiwaza e de shurikenjutsu. Se estiver de chuva, treinamos dentro do dojo taijutsu ou buki dori. 

Os uchideshi devem conhecer o regulamento dos uchideshi que está há muitos anos na nossa página oficial www.aikishurendojo.org

Para os preços, contactar a Direção da APASD.

Durante o dia os uchideshi também trabalham no campo tal como faziam na outra quinta: ajudam com os animais, a tratar das hortas, a fazer o jardim, etc. Há sempre um rol de tarefas a cumprir todos os dias. 

O treino da noite é feito normalmente às 19:00h mas pode mudar, pois no regime de uchideshi todos devem estar prontos para seguir as ordens do mestre. 

Antes do regime estar vigente, houve vários voluntários que vieram tomar conta da quinta na minha ausência, refiro-me ao Andrés Rosende da Galiza Aikishurendojo, ao Marko Tomatis, ao António Dente, Miguel Plantier e Victor Detrez do Tenchi dojo de Paris, ao Walter Ippoliti de Viterbo, Italia e à Carolina Cabrera da Venezuela mas que é uchideshi em Lisboa há mais de 1 ano. Estes praticantes também trabalharam muito e contribuíram para modificar a quinta de uma selva, como estava, numa quinta com horta, animais etc. O seu trabalho foi muito precioso e por isso estamos profundamente agradecidos.

Os primeiros uchideshi oficiais foi um grupo de Lisboa constituídos por António Dente, Victor Detrez, Carolina Cabrera, Anne-Sophie Dubanton e, claro, Mitsuyoshi Saito.

Depois veio um grupo de Sacile, Italia. Eles estiveram aqui uma semana e voltaram ontem sábado. Também treinaram muito e ajudaram muito nos trabalho rurais da quinta.

Como já usual, o professor Marko Tomatis veio mais uma vez à Aiki En ajudar e participar nos treinos. A sua ajuda continua a ser imprescindível!



O grupo de Sacile no dojo...com o espírito de Morihiro Saito Sensei por detrás.
___________

Keiko da cidade de Estremoz

O treino de Aikido também começou na cidade de Estremoz. Não podendo chamar propriamente um dojo, pois é um ginásio de manutenção, é contudo um lugar onde somos muito bem acolhidos tanto pela direção do ginásio InShape, como pelos próprios alunos.  Não deixem de visitar a sua página no facebook.
O keiko acontece aos sábados das 10:30h às 12:30h. Na primeira hora praticamos bukiwaza e na segunda taijutsu ...ou vice versa. Os alunos são muito cumpridores e aprendem depressa. 

Quando vierem a Estremoz, juntem-se a nós. 




domingo, 21 de fevereiro de 2016

PRIMEIRO ESTÁGIO INTERNACIONAL COM WAKA SENSEI - YASUHIRO SAITO

Em 13-14 de fevereiro de 2016 tivemos a honra de acolher Yasuhiro Saito Sensei em Torino (Itália) para seu primeiro estágio internacional. Esta visita é um acontecimento histórico começando a 3ª geração de estágios da família Saito, em Turim. O estágio foi hospedado no Dojo Dinâmico na pequena cidade de La Loggia. O Dojo Dinâmico é um local histórico onde Morihiro Saito Sensei e Hitohira Saito Sensei ensinaram várias vezes.

Depois de relaxar na sexta-feira para se recuperar da longa viagem, Yasuhiro Sensei reuniu-se com vários alunos que visitam Iwama regularmente para um jantar muito amigável. Foi a melhor maneira de juntar velhos amigos e de se preparar para o estágio.

O estágio começou no sábado de manhã com uma classe de Buki waza onde Yasuhiro Sensei começou por rever os conceitos básicos da prática de armas de Iwama. O estágio foi um tremendo sucesso pois Yasuhiro Sensei trabalhou o grupo gradualmente através de uma prática cada vez mais complexa. Havia estudantes com idades variando de 10 a 74, 5º kyu a 8º dan, e estudantes de diversos países. Todos nós praticámos numa atmosfera muito relaxante e amigável.

Como o organizador local, gostaria de agradecer a Yasuhiro Sensei para me honrar ao aceitar o convite para visitar Torino. Além disso, eu gostaria de agradecer Alessandro Tittarelli Sensei e Tristão da Cunha Sensei para o enorme apoio durante a organização. Por último, mas não menos importante, gostaria de agradecer a todos os professores [nacionais e internacionais] que deram um grande apoio ajudando com a atividade de registro.

Finalmente, permitam-me dedicar este seminário a uma pessoa especial, meu primeiro professor Giovanni Gerbi Sensei que não está mais entre nós. Ele conheceu Yasuhiro Sensei em Iwama quando ele era apenas um menino de 13 anos de idade. Tenho a certeza que ele ficaria feliz em vê-lo de visitar a sua cidade.

Espero que este será o primeiro de muitos grandes estágios.

Domo Arigatou gozaimashita !!!
Stefano Di Carlo

terça-feira, 2 de fevereiro de 2016

KANGEIKO 2015~2016 no SAITO AIKIDOJO - do Mestre António Miguel Serra


O estágio de inverno em Vila Nova de Santo André é sempre um estágio esperado durante o ano. Normalmente fazemos o Kangeiko no mês de dezembro, um pouco antes do Natal. Contudo, neste ano a Alemanha convidou Sensei para ensinar num estágio justo na data que estava marcada desde 2014 e promissor tivemos de mudar para o início de Janeiro.

A chuva acompanhou o estágio inteiro mas não fez diferença pois tanto a prática de buki waza como de taijutsu, pode ser praticada baixo tecto.

Este ano o estágio concentrou-se na prática de duas técnicas: shiho nage e koshi nage.
O shiho nage costumava ser ensinado aos principiantes logo após serem introduzidos ao ikkyo, uma vez que a sua base era e é, o ken. Tal como o ikkyo, esta técnica também tem a prática com a direção omote e a direção ura. Foram várias as formas de prática desta técnica: katate dori, kosa dori, sode guchi dori, kata dori, muna dori, morote dori (em várias formas), e shoumen uchi. Também treinamos a forma de ryokata dori, que não exige que o tori agarre nenhuma parte do corpo do uke. Como forma interessante de prática, o mestre pediu a cada grupo que também treinasse segurando uma bola para simbolizar um sanbo. Morihiro Sensei ensinou que esta técnica era utilizada quando os samurai, ao transportarem com reverência algo como a  genealogia dos seus amos em cima de um sanbo, eram atacados. Sem baixar a genealogia abaixo do estômago, eles defendiam-se com esta técnica, projectando o atacante. O mesmo poderia ser aplicado se eles estivessem amarrados e, arranjando uma oportunidade para fugir, mesmo com as mãos, amarradas projectavam os inimigos e escapavam.a

A prática de koshi nage, por causa das projeções, é uma das técnicas que os alunos menos gostam de fazer. Sendo também uma técnica muito forte e também muito útil contra vários atacantes, deveria ser mais praticada do que é. Mesmo assim, antes deste keiko acabar, com o cançasso que sempre causa a prática continua duma técnica e desta em especial, houve pequenas luxações - nada de mal felizmente - e no final o mestre pediu a todos para nada projectarem mais. A parte principal desta técnica é saber carregar o peso do parceiro em cima das ancas. A partir daqui, o resto da técnica é bastante simples e o parceiro pode, com as variações, ser projectado em várias direções. Tudo isto foi estudado, assim como os exercícios que fazem parte desta técnica, que Morihiro Sensei desenvolveu. Com a aprendizagem dos kuden e a sua aplicação à realidade das técnicas, a aplicação de qualquer koshi nage torna-se mais simples.

No recinto de futebol de salão, também praticámos ken suburi, zengo giri, shiho giri e happo giri. Havendo muitos principiantes, não foi conveniente continuar com práticas mais avançadas de ken.
Neste mesmo recinto, e porque se fazia escuro, estava criada a atmosfera ideal para a prática de ninja no waza, arte ensinada por Morihiro Saito Shihan.

Como sempre o acolhimento que o mestre António Serra e o seu dojo dá a todos os grupos por igual é de louvar, o que faz todos sentirem-se em casa, relaxados e contentes. Muito obrigado mestre António Serra.

Participaram neste estágio os seguintes dojos: Saito Aikidojo, Takemusu Aikidojo, Kami Aikidojo e Honbu dojo. Um grande bem haja pela vossa presença!

Depois do estágio o mestre partiu para Estremoz, onde iriam chegar o Andres Rosende, aluno do mestre José Veiga que se ofereceu para cuidar da quinta na ausência do mestre no Japão e também da pequena burrica oferecida pelo professor Carlos Ricardo e seu aluno Paulo. Tudo correu como esperado e todos chegaram bem, sem problemas alguns.